Idosa que vive com 42 gatos e 22 cães pede ajuda


Maria Clara de Pinho Maia mora em Ovar, tem 74 anos, e há mais de 30 anos que cuida e protege de animais abandonados que necessitam da sua ajuda. Diz quem a conhece que nunca se recusou a ajudar nenhum deles, pois "tem um coração enorme, cheio de amor e carinho".

Neste momento, Clara de Pinho tem a seu cargo 42 gatos e 22 cães, o que para está a tornar-se numa situação insustentável, pois recebe uma reforma muito baixa.

Mesmo assim, ela continua a tomar conta deles como se de filhos se tratassem. Clara vive apenas na companhia de uma sobrinha e, muito raramente recebe alguma ajuda monetária ou outra e já não consegue cobrir todas as despesas que tem, o que frequentemente a faz passar por grandes dificuldades. 

Em determinadas alturas, não consegue comprar os seus medicamentos, mas ela prefere que isso aconteça do que ver os seus animais a passar fome.
Ainda recentemente fez obras no seu quintal para criar um abrigo para todos os animais que já não consegue manter dentro de casa, para que não ficassem ao relento.

Consequentemente, a sua situação débil situação financeira agravou-se ainda mais. Gasta quase todo o seu dinheiro em comida para os animais, detergentes para lhes dar banho, areia para os gatos, medicação e consultas em veterinários, quando eles adoecem, entre outras coisas.

Ao tomar conhecimento desta situação, Sofia Vieira, uma amiga, diz que não podia ignorar após ver "tanta bondade, amor e ajuda e pedir a todos, que a ajudem". Por vezes, continua, "5 ou 10 euros não fazem uma diferença gigantesca na nossa vida, mas para esta senhora, certamente farão".

"É certo e sabido que vivemos em tempos de crise, mas penso ser impossível ficar indiferente, face a uma situação destas. Esta senhora é um verdadeiro caso de altruísmo, é incrível os esforços que faz, a todos os níveis, para ajudar aqueles que não têm quem os salve".

Contribuições podem ser efectuadas para o seguinte NIB: 003505730002548590095



Fonte: Noticia
Facebook: Ajudar <3

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigada pelo comentário e solidariedade ;)